logo

O mapa dos diferentes tipos de pele



Existem muitos tipos de pele; de maneira geral, podem ser classificadas como pele normal, seca, oleosa e sensível. Descubra os segredos da sua pele e muito mais.

  • Pele normal

    A pele normal é o tipo que todos queremos: suave, firme, elástica e radiante de saúde. A pele normal não apresenta lesões ou doenças, está bem hidratada e bem equilibrada. Mas o mais importante é que a pele normal está em condições ideais para realizar a sua função básica como barreira protectora integral.

  • Pele sensível

    A pele sensível reage fortemente contra factores e alergénios que não afectam a pele normal. Isto ocorre porque a camada exterior- stratum corneum – costuma ter a função de barreira mais debilitada, razão pela qual pode sofrer danos com maior facilidade.
     
    No entanto, nem todos os tipos de pele sensível são iguais, já que as pessoas podem ser afectadas por factores diferentes. Algumas peles podem ser sensíveis ao contacto com certos produtos, que produzem erupções ou eczema. Outras, por sua vez, podem ser afectadas pelas condições climatéricas, regime alimentar, poluição, produtos cosméticos ou inclusive pelo stress. 

  • Pele seca

    Falta hidratação à pele seca. Por isso, o seu aspecto é como se estivesse sem cor e sem vitalidade, tendo mais tendência para: formar rugas, ter problemas de pele e ter reacções alérgicas.
     
    A superfície da pele costuma conter cerca de 20% de água. Os componentes como os lípidos e as proteínas formam uma estrutura especial do tipo “tijolos e argamassa” para reter esta água. Se sofrerem danos, a sua pele ficará desidratada rapidamente.
     
    Uma barreira debilitada interfere na capacidade de conservar a sua hidratação. A pele seca faz com que a hidratação se evapore, deixando-a ainda mais seca e mais necessitada de cuidados.

  • Pele oleosa

    A pele oleosa normalmente ocorre quando as glândulas sebáceas produzem muito sebo ou óleo e por isso o seu aspecto é muito brilhante ou inclusive oleoso. O excesso de sebo também pode obstruir os poros e favorecer o aparecimento de borbulhas. As áreas mais afectadas costumam ser o rosto, o pescoço, o peito e as costas.
     
    Muitas pessoas têm a pele oleosa durante a puberdade, sobretudo os rapazes, mas algumas peles são oleosas durante toda a vida devido a uma predisposição genética ou a alterações hormonais. Se os seus pais tinham a pele oleosa, é possível que você também a tenha. Para além disso, qualquer mudança hormonal – devido a menstruação, gravidez, situações emocionais ou transição para a menopausa – pode fazer com que a pele fique oleosa.

Teste

os seus conhecimentos

Quanto sabe sobre a pele? Teste os seus conhecimentos com este simples questionário. As seguintes afirmações são verdadeiras ou falsas?

  • 1

    Beber um litro e meio de água por dia é suficiente para manter a pele bem hidratada.